Pós-Graduação em Odontologia realiza levantamento da saúde bucal de crianças com microcefalia

A professora do Programa de Mestrado e Doutorado em Odontologia, Cristina Lúcia Feijó Ortolani, junto com sua orientanda Livia Eisler e a aluna de Iniciação Científica Luiza Martins Falcade, estão desenvolvendo um projeto de pesquisa em alguns estados do Nordeste com o intuito de investigar a situação odontológica de crianças acometidas pela microcefalia, decorrente da síndrome congênita do Zika vírus. O objetivo do projeto é entender as possíveis implicações odontológicas e estabelecer diretrizes de tratamento especializado.

Até o momento, já foram realizadas avaliações odontológica e miofuncional em 110 crianças das cidades de Salvador, Maceió e Fortaleza, além de palestras explicativas sobre o projeto e de prevenção aos pais e/ou responsáveis, que responderam às perguntas de anamnese e aos questionários socioeconômico e de qualidade de vida.

O segundo passo será a colocação de aparelhos odontológicos nas crianças triadas, com o acompanhamento do tratamento. Após essa intervenção, as crianças serão avaliadas novamente para que se registre os efeitos do procedimento realizado e sua adequação.

Pós-Graduação em Odontologia realiza levantamento da saúde bucal de crianças com microcefalia

Pós-Graduação em Odontologia realiza levantamento da saúde bucal de crianças com microcefalia

Pós-Graduação em Odontologia realiza levantamento da saúde bucal de crianças com microcefalia